Um livro é um mudo que fala, um surdo que responde, um cego que guia, um morto que vive. (Padre Antônio Vieira)

terça-feira, 8 de setembro de 2009

Quasi

Arrumar a vida, pôr prateleiras na vontade e na ação...
[...]
Produtos românticos, nós todos...
E se não fôssemos produtos românticos, se calhar não seríamos nada.
 
Assim se faz a literatura...
Coitadinhos Deuses, assim até se faz a vida!
 
 
Álvaro de Campos, Quasi

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivos Malucos

Seguidores