Um livro é um mudo que fala, um surdo que responde, um cego que guia, um morto que vive. (Padre Antônio Vieira)

terça-feira, 23 de junho de 2009

Schopenhauer, A arte de escrever

É possível a qualquer momento sentar e ler, mas não sentar e pensar.
 
Schopenhauer, A arte de escrever, p. 47

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivos Malucos

Seguidores