Um livro é um mudo que fala, um surdo que responde, um cego que guia, um morto que vive. (Padre Antônio Vieira)

segunda-feira, 5 de março de 2012

Amanhã

Amanhã vou fazer uma canção de amor pra você
Eu te prometo!
Mas deixa amanhecer
A minha inspiração
Espera nascer
O sol da criação.
Hoje quem canta é a lua!
Mas eu te juro meu bem
Minha próxima canção é tua.



fabiano foresti


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivos Malucos

Seguidores